O poder do futebol

O Futebol e as sinergias em torno dele criadas podem mudar vidas. Este fenómeno atinge particular expressão na Europa, onde o interesse pelo futebol e a ligação das populações a clubes específicos, que se tornam "seus", é particularmente relevante.  Em cada semana, por toda a Europa, cerca de 20 milhões de pessoas, sobretudo do sexo masculino, assistem aos jogos das principais ligas. 

Os sucessos ou derrotas dos clubes e a consequente subida ou descida nas tabelas de classificação são vividos por todos os adeptos como seus, alimentando uma ligação não só "de" e "para" toda a vida, mas muitas vezes transgeracional. O projeto EuroFIT pretende capitalizar esta ligação entre os homens e os seus clubes no sentido da melhoria da saúde e promoção de estilos de vida ativos.

O objetivo principal deste projeto é o de estabelecer pontes de ligação entre investigadores, profissionais de saúde, clubes de futebol, treinadores e adeptos, promovendo novos contextos de intervenção na promoção da saúde comunitária, tornando os clubes de futebol e os recursos que os envolvem importantes parceiros na resposta a problemas ligados ao sedentarismo e a regimes alimentares desequilibrados.

Cerca de 20 milhões de adeptos assistem, semanalmente, aos jogos das principais ligas europeias e, muitos mais, na televisão. Um novo projeto de saúde trabalha com alguns dos principais clubes de futebol para encorajar os adeptos a adoptar estilos de vida mais saudáveis. 

Em Portugal, já participaram os chamados três grandes, FC Porto, Sporting CP e SL Benfica. O projeto EuroFIT incentiva os homens a uma mudança do estilo de vida através da ligação pessoal e lealdade ao seu clube de futebol. Grupos de adeptos são encorajados a participar num programa individualizado de atividade física e estilo de vida com o seu clube de futebol, recebendo dicas acerca de como podem aumentar o exercício, permanecer menos tempo sentados e melhorar o seu regime alimentar.

Este projeto é baseado no modelo de um seu antecessor, Football Fans in Training, que decorreu nas 3 últimas temporadas na liga Escocesa, em clubes como o Glasgow Rangers, o Celtic ou o Aberdeen.  Este modelo procura encorajar a perda de peso e a atividade física, de uma forma saudável e sustentável no tempo. Na época de 2010-2011, 412 homens perderam um total de 2300kg e 2400cm de perímetro da cintura. Este programa decorre em parceria com a Liga Escocesa de Futebol. 

Os adeptos de futebol participam num programa interativo dirigido por treinadores e nas instalações dos seus clubes. É usada tecnologia de ponta para avaliar o progresso e informar os participantes que, juntamente com uma abordagem à modificação comportamental centrada no participante, visa mantê-los ativos e motivados. 

O treino inclui sessões de sala de aula e sessões práticas. Nas primeiras são abordados temas relacionados com a saúde, alimentação saudável e atividade física de uma forma aplicada, para facilitar a mudança e sustentabilidade dos comportamentos. As sessões práticas são compostas por diferentes atividades físicas, que podem ir da marcha ou utilização dos monitores de marcha, até ao treino de força, passando pelo futebol e alongamentos.

 

Objetivos

 

CONCEBER O PROGRAMA EUROFIT

O programa utiliza duas teorias da motivação reconhecidas na área da saúde e do desporto e testará a utilização de novas tecnologias (aplicação MatchFIT e acelerómetro SitFit) dirigidas à alteração sustentada de estilos de vida em adeptos de futebol do sexo masculino.

 

IMPLEMENTAR O EUROFIT EM 15 CLUBES DE FUTEBOL

O programa foi implementado nas instalações dos clubes de futebol entre setembro de 2015 e janeiro de 2016, sendo as sessões teóricas e práticas dinamizadas por técnicos dos próprios clubes, que receberão formação especializada pela equipa de investigadores EuroFIT Portugal.

 

AVALIAR A EFICÁCIA E ACEITAÇÃO DO EUROFIT

Através de um "RCT" (ensaio controlado e com distribuição aleatória) visando quantificar alterações no tempo sedentário e na atividade física, melhorias no regime alimentar (p.ex. redução da ingestão de álcool), e benefícios em indicadores como a auto-regulação e o bem-estar.

 

PROMOVER A DISSEMINAÇÃO E REPLICAÇÃO

Disseminar o programa EuroFIT em outros clubes e maximizar a possibilidade de implementação do EuroFIT além do período financiado, desenvolvendo recomendações para a sua reestruturação, por exemplo, para que seja extensível a mulheres, famílias e outros grupos-alvo.

Notícias
  • Concluída aplicação EuroFIT na "Cidade do Futebol"
    Terminou, no passado mês de julho, a aplicação do programa EuroFIT que decorria nas instalações da Federação Portuguesa de Futebol. Com a colaboração da Câmara Municipal de Oeiras, o programa…
  • Programa EuroFIT termina no Rio Ave FC e no SC Braga
    O Rio Ave FC e o SC Braga concluíram, no passado mês de junho, as aplicações piloto do programa EuroFIT. A iniciativa foi um sucesso, com treinadores e participantes a…
  • EuroFIT na Revista "Dependências"
    O projeto EuroFIT mereceu destaque na revista "Dependências", uma revista institucional com publicações no âmbito das dependências (e.g. toxicodependência, alcoolismo, uso e abuso de substâncias lícitas ou ilícitas e outros…
  • EuroFIT no 17.º Encontro Anual da ISBNPA
    Decorreu, entre os dias 3 e 6 de junho, em Hong Kong, o 17º Encontro Anual da "International Society of Behavioral Nutrition and Physical Activity". O projeto EuroFIT foi alvo…
  • Última reunião do consórcio EuroFIT em Lisboa
    A última reunião do consórcio EuroFIT decorreu nos dias 8 e 9 de maio, em Lisboa. Os trabalhos centraram-se, maioritariamente, sobre a apresentação de resultados e futuras publicações, reflexões finais…